Bebida Alcoólica

Entenda a composição dessas bebidas e como podem afetar o peso corporal.


Por Magno Luiz

Atendendo aos pedidos de vários pacientes e amigos seguem dicas sobre o consumo das bebidas alcoólicas mais comuns. Eventos como festas, happy hour e jogos de futebol são motivos para reunir amigos e familiares. Nestes momentos é frequente ter algum tipo de bebida alcoólica. Qualquer bebida com teor de álcool deve ser consumida com 
moderação, independente se você está em um processo de emagrecimento ou não. PARA SE TER UMA IDEIA, CADA TULIPA DE CHOPP EQUIVALE A UMA UNIDADE DE PÃO FRANCÊS. Contudo, os principais Órgãos de saúde permitem (liberam) PEQUENAS doses diárias. Boas escolhas podem fazer uma diferença maior para a saúde, como, por exemplo, o vinho tinto, que é rico em resveratrol e taninos. Estas moléculas são poderosos antioxidantes, e dentre suas funções podemos citar: diminuição do risco de diabetes, pressão alta, câncer e problemas cardíacos. Outras bebidas com teor alcoólico muito elevado como uísque e vodka podem causar danos ao fígado. Existem algumas diferenças nas calorias dentro da própria categoria de bebida, por exemplo, os vários tipos de cervejas. Então, coloquei uma média. Vejam alguns pontos interessantes sobre bebidas alcoólicas:

Cada grama de álcool fornece 7,1kcal.

CERVEJA (100,0ml):
Teor alcoólico médio: 5,0%.
Carboidrato: 3,6g.
Proteína e gordura: 0,0g.

VINHO (100,0ml):
Teor alcoólico médio: 13,0%.
Carboidrato: 1,4g.
Proteína e gordura: 0,0g.

DESTILADOS (100,0ml): uísque, vodka e cachaça
Teor alcoólico médio: 40,0%.
Carboidrato, proteína e gordura: 0,0g.



Autor / Fonte: